Pirâmide invertida?

 O nome é até complicado, mas consiste em uma técnica de redação que muitos jornalistas não abrem mão, pois com esse mecanismo se torna bem mais fácil e simples de escrever. O nome pirâmide invertida, se auto explica, pois o lado mais largo (a base) da pirâmide fica voltado para cima com as principais informações.

     ANÁLISE DA PIRÂMIDE                                            ANÁLISE TEXTUAL


       Título – Faz referência ao fato principal.

       Lead – Corresponde ao 1º parágrafo onde se     resumem os aspectos essenciais do acontecimento. Deve responder a quatro fundamentais perguntas: Quem?, O quê?, Onde?, Quando? 

       Corpo – Corresponde aos restantes dos parágrafos. Deve  responder as seguintes questões: Como?, Porquê? e, por vezes, Para quê?

De acordo com o guia rápido para processamento de textos, a melhor forma de escrever para web é com a utilização da pirâmide invertida.  Outro efeito da utilização da pirâmide invertida é ser encontrado com facilidade pelos mecanismos de busca.

Na elaboração de um texto para web é necessário melhorar a disposição de elementos do site para atrair a atenção do leitor. Uma mesma noticia na internet pode ser atualizada inúmeras vezes em um mesmo dia, de forma que, agilidade é um dos grandes benefícios desse advento tecnológico.

O texto de web tende a ser curto e objetivo, devido ao grande número de informações que ficam a disposição na rede e surge de todo o mundo, mas algumas vezes podem ser longos, de acordo com a necessidade do tema.

  Na quarta feira (10), a jornalista e blogueira, Rita Soares participou de um bate papo descontraído com os alunos da Estácio Fap, e compartilhou a rotina em busca da informação. O diálogo teve como tema central o blog de Rita, que durante a recente época de campanha eleitoral teve grande destaque, em caracterizar um panorama, não apenas do cenário regional, mas também nacional.

  Segundo ela “repórter odiado é  bom repórter”, pois o bom profissional dessa área não consegue agradar à todos e para cumprir um bom papel   é preciso não ter medo de perguntar. Rita trabalha atualmento no jornal Diário do Pará, na área de politica. Em Brasilia, Rita já foi  acessora de imprensa do senador  José Nery.

  Um dia petista em outro tucano, assim ela é definida nos comentários que recebe em seu blog, o “blog da repórter” e falar de política ela entende e faz muito bem. Com voz calma e aparência doce, a jornalista é concisa e fala o que pensa. Não aceita presentes de políticos e nem entrevista  amigos que pleteiam vaga no setor politico, ela diz fazer parte de sua ética pessoal.

   A aula interativa promovida pelos professores Pedro Lourenço e Nélia Ruffeil, deixou uma percepção bem interressante sobre como utilizar as novidades tecnologicas, como twitter e o blog, por exemplo. A jornalista Rita Soares passou a ser mais  seguida no twitter depois da criação do blog, de forma, que os alunos puderam observar que a utilização correta das midias tecnologicas pode resultar em notoriedade.

  Para a aluna, Fabiola Uchoa o bate papo com Rita fez todo um diferencial. “Aula interativas, com a presença de profissionais da área, nós fazem refletir a respeito de como é ser um jornalista”. A aluna refe- se sobre a enfatização de Rita que diz ser necessário saber dividir o papel de jornalista com a vida pessoal, de forma que, muitas pessoas seguiam a blogueira no twitter na espera de receber informações sobre politica, mas deparavam se com as twittadas pessoais, para não frustar os seguidores, criou – se  um twitter especial : “blog da repórter” (versão twitter), para a felicidade   de todos.

Falando sobre jornalismo digital

Publicado: novembro 8, 2010 em Uncategorized

Ciberjonalismo, jornalismo eletrônico, jornalismo on line, jornalismo digital e jornalismo hipertextual são algumas das nomenclaturas empregadas para designar a prática do jornalismo atraves da internet. O jornalismo “virtual” surgiu no inicio dos anos 90, com o desenvolvimento da World Wide Web (WWW ou Web), e passa a ser empregada de forma expressiva, e cada vez mais ganha espaço e interatividades que atraem o público, principalmente devido à rapidez de acesso ao conteúdo.

 

Bardoel e Deuze (2000) apontam quatro elementos, desenvolvidos para a Web :

Basta um click

Jornalismo on - line

  • Interatividade (Permite a interação entre o jornal e o leitor) Customização de conteúdo (Permite a pré-seleção dos assuntos de interesse, assim quando o site é acessado, este já é carregado na máquina do usuário atendendo à demanda solicitada).
  • Hipertextualidade (traz a possibilidade de interconectar textos através de links) .
  • Multimidialidade (Trata-se da convergência dos formatos das mídias tradicionais (imagem, texto e som) na narração do fato jornalístico).

Como características, podemos citar:

  • Multimidialidade/Convergência Refere- se aos rescursos utilizados para a narração de um fato, áudio, video, texto e som.
  • Interatividade:  Capaz de fazer com que o leitor/usuário sinta-se parte do processo. Isto pode acontecer de diversas maneiras, entre elas, pela troca de e-mails entre leitores e jornalistas; através da disponibilização da opinião dos leitores, como é feito em sites que abrigam fóruns de discussões; através de chats com jornalistas.
  • Hipertextualidade: Característica, apontada como específica da natureza do jornalismo online, traz a possibilidade de interconectar textos através de links.
  • Personalização: Consiste na existência de produtos jornalísticos configurados de acordo com os interesses individuais do usuário. Há sites noticiosos, entre eles o da CNN, que permite a pré-seleção dos assuntos de interesse, assim quando o site é acessado, este já é carregado na máquina do usuário atendendo à demanda solicitada.
  • Memória: O volume de informação diretamente disponível ao usuário é consideravelmente maior no webjornalismo, seja com relação ao tamanho da notícia ou à disponibilização imediata de informações anteriores. Desta forma surge a possibilidade de acessar com maior facilidade material antigo.

O jornalismo na web possui vantagens em comparação ao jornal televisionado e impresso, devido rapidez de novas informações que podem ser colocadas à disposição, que permite a rápida atualização de fatos, possui um espaço bem maior em relação aos outros meios aqui citados.

Com o intuito de estreitar a relação entre promotores de justiça da Infância e da Juventude com os profissionais da área de comunicação em Belém, na última terça feira (21) o Ministério Público do Estado do Pará (MPE) em parceria com a Universidade da Amazônia (Unama), Cedeca/Emaús, Unicef e Quanta Mídia realizou o I Encontro “Dialogando sobre o ECA com a Imprensa”.

O encontro aconteceu no Centro de Estudos e Aperfeiçoamento Funcional (Ceaf) do MPE e buscou esclarecer dúvidas jurídicas sobre a veiculação de palavras e imagens que envolvam crianças e adolescentes.

O estudante do Curso de Comunicação Social, Bruno Carachesti, considera muito importante a troca de informação e o esclarecimento em relação ao assunto, para ele muitos repórteres desconhecem o papel da mídia na cobertura jornalística a respeito de temas relacionados à infância e juventude.

O jornalista e radialista Hamilton Pinheiro, gerente de Jornalismo da Rádio Cultura, acredita que o evento é primordial aos jovens estudantes de comunicação “Esse tipo de encontro serve como atualização aos jornalistas mais antigos e principalmente como uma grande ferramenta de intelecto aos jovens que almejam a carreira”.

A coordenadora da Promotoria de Justiça da Infância e Juventude da Capital, a promotora Silvia de Souza Nunes, avalia que ainda existem muitas dificuldades de implantação do ECA, devido à falta de conhecimento sobre o estatuto. “É muito importante que nossa sociedade saiba a verdadeira finalidade do ECA”.
Para a promotora de Justiça da Infância e Juventude da Capital, Leane Barros, o jornalista tem papel fundamental na conscientização da garantia dos direitos infanto-juvenil.

Segundo a coordenação do evento, o encontro superou as expectativas, e em breve deve expandir sua programação realizando encontros em universidades, faculdades e empresas de comunicação.

Tava à pensar com meus botões.

Publicado: setembro 16, 2010 em Uncategorized
Rio Guamá
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Rio Sena / Paris  – 776 km extensão               Rio Guamá / Belém 87.389,54 km extensão
 

                                                        Compare a largura desses rios.

Em Julho de 2010 eu tive a oportunidade de estar conhecendo o lugar mais romântico do mundo, Paris. Simplesmente é uma cidade incrível, mas uma frase que ouvi de meu noivo durante um passeio pelo Rio Sena, me chamou bastante atenção.

Ao olhar deslumbrada a magnitude das construções importantes que existem em frente ao Rio Sena, como a torre Eiffel, por exemplo.  Eu fiz à boba perguntar, mas como fizeram essas grandiosidades? Eu ouvi a resposta que me deixou simplesmente em palavras, os reis tinham visão de futuro, disse meu noivo.

Visão de futuro, essa é a palavra chave…

Nosso país parece desconhecer essa palavra, nossos governantes até mesmo os do meu estado, se dão ao luxo de viajar para fora, mas cadê a visão desse povo. O rio Sena é tão estreito, que perto de nossos rios do estado do Pará, poderíamos comparar ao canal da Doca, ao até mesmo o canal da Quintino, porque ambos poluídos. Agora pensa que incrível, as pessoas vão à Paris e gastam dinheiros para passear em rio poluído.

Temos um rio incrível em frente a uma das mais bonitas obras que nosso estado já recebeu, só podia estar falando da Estação das Docas. Mesmo tendo esse lugar tão bonito, na minha opinião ele ainda é pouco aproveitado para o turismo. Eu nunca tive coragem de fazer um passeio de barco ali, a estrutura é tão sem graça.

Feche os olhos por alguns segundo e responda a seguinte questão.  Se não tivéssemos em Belém a Estação das Docas e o Mangal das Garças; Onde poderíamos levar para passear alguém de outro estado ? No ver o peso? Pode ser!

A beleza do Ver o peso, ta na história e na força de pessoas trabalhadoras que acordam cedo e tem um amor enorme por essa feira, que é o ganha pão de cada dia. Fora isso eu não consigo ver a beleza, e olha que eu tento. O nosso cartão postal poderia até ser a Disney de tanto Mickey mouse (ratos) que temos.

 
 
 BE CONTINUED!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
 
                                                   
 
 

Eleições 2010

Publicado: setembro 16, 2010 em Uncategorized

“Não se pode perder as esperanças de um país mais limpo”.

O ano de 2010 teve seu primeiro semestre  marcado pela  Copa do mundo, mas o resultado não foi nada bom para o time brasileiro, passada essa etapa, o País vive o “segundo” maior evento do ano e para o País sair ganhando, é importante atentar as questões eleitorais.

No próximo dia 03 de Outubro, temos a oportunidade de eleger ou até mesmo reeleger candidatos para os cargos de deputado federal, estadual, senador, governador presidente da república.

Muitas pessoas votam, mas desconhecem o valor do ato de votar e acabam vendendo o voto por migalhas e quem perder é toda uma sociedade. No passado muitos atos de corrupção eram escondidos da população vivia se a censura.

Na atualidade a vida dos candidatos é praticamente um “livro aberto”. No Pará esse ano temos figuras conhecidas que posam de “bonzinhos” e pedem o seu voto, e o pior é que parece que a população tomou chá de esquecimento(Só pode).

Vamos dar nomes aos bois, Esse ano pleiteando uma vaga no senado, temos o doutor Jader Barbalho?o que esse homem fez?,ROUBOU!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! E NÃO FOI POUCO NÃO!!!!!!!!!Já foi até preso, o coitadinho (O que é mesmo o tal ficha limpa?!!!!!!).

Já não bastasse corrupto tem também um “possível pedófilo” concorrendo, fala sério!!!!!! Isso é Brasil? (Que justiça é essa?), mas calma minha gente, apesar da sujeira que envolve a politica existe pessoas comprometidas e com projetos (eu só não sei alguém agora pra listar, mas não se pode perder a esperança).

Esperança? é difícil se ter, quando desviam milhões de reais dos nossos impostos, quando com bem menos podiamos ter melhorias na saúde e educação. Como votar consciente ? Para mudar esse quadro bastar dedicar uma hora do dia, uma hora do dia?Sim! Sabe a propaganda eleitoral?(eu sei que é chata), mas enfim temos que tentar não dormir e prestar atenção nas propostas apresentadas, para depois poder cobrar resultados. É importante também pesquisar o histórico desses candidatos.

Direito do cidadão

Não quero induzir voto (quem me dera ter esse poder), mas vou listar alguns candidatos que merecem ser pensando mil vezes antes de votar, pesquise os históricos.

  • Jader Barbalho esse candidato ao senado (dispensa comentários)
  • Luís Afonso Seffer (Mantenha seus filhos longe dele)
  • Paulo Rocha (Mensalão é?)

Se tem dúvidas em relação ao seu candidato, acesse o site Ficha Limpa!!

http://www.fichalimpa.org.br/index.php?op=resultado_filtro_candidatos&titulo=Filtro de candidatos&ver_pendente=1&envio_email=1&ftstatus=&ftnome=JADER BARBALHO&ftestado=14&ftcidade=4499&ftpartido=&ftmandato=&ftgenero=&ftidade=&doacoes=

Você sabe o que é um blog?

Publicado: setembro 14, 2010 em Uncategorized

   Se você tem uma vaga idéia, precisa ou quer entender um pouco mais sobre esse assunto, assim como eu. Esta convidado a embarcar nesse texto e espero responder as suas perguntas.

   Bom, sabemos que blog é um site de relacionamento, certo? Agora vamos nos aprofundar sobre isso se baseando em diversas fontes. Ao lançar a questão “o que é blog” ao maior oráculo virtual (Google), diversas janelas se abrem com um mundo de possíveis definições.

   A princípio logo descobrir que esse “tal” de blog é uma contração do termo “Web log”,que  também é chamado de blogue em Portugal, é um site cuja estrutura permite a atualização rápida a partir de acréscimos dos chamados artigos, ou “posts”. Pode se tirar uma primeira conclusão disso, blog na verdade é apelido de “Web log”. 

  Com a evolução das tecnologias muitas coisas perderam seu valor, um exemplo disso, é o vídeo cassete, tem gente que nem sabe o que é (e se quiser saber é melhor lançar a perguntar no Google, eu só vou explicar sobre o blog). Outro exemplo de perda de valor é o diário, ainda lembro na minha infância os cadernos coloridos onde compartilhava os meus pensamentos.

   Com a era informatizada a escrita cada vez mais e deixada de lado, de fato que, o antigo diário de papel se tornou virtual e grande parte da sociedade acompanhou essa evolução. O blog pode ser considerado uma grande revolução, pois a maioria das pessoas tem utilizado os blogs bem mais do que diários pessoais, pois podemos falar sobre qualquer conteúdo e utilizado para diversos fins.

                            BE CONTINUED…

                                                       MOTIVO DISCUTIR BLOG DÁ SONO

Simplesmente Angélica

Publicado: agosto 26, 2010 em Uncategorized

     Enfim criei um blog!

    Muita gente diz que é legal ter um, mas eu nunca tinha pensado sobre isso

     A criação deste foi motivada por livre e espontânea pressão, valendo um ponto na matéria de técnicas de apuração e edição em jornalismo (ah!!!!! pra quê um nome tão grande para uma matéria?!), depois que eu guarda o meu horário que usei para copiar o nome dessa matéria neste primeiro post eu vou esquecer mesmo.

    Acho que para iniciar eu posso falar um pouco de mim (não é tão fácil, falar sobre si, quando se têm muitas dúvidas.

    Bom vamô lá… Me chamo Angélica Nunes, nasci em primeiro de Abril de 1988 (e não é mentira), podia ter nascido em outra data. Só eu sei o que passei na infância com todo mundo enchendo o saco, por causa dessa data (eu já superei isso).

    Sou estudante de jornalismo e cai de paraquedas nessa área, mas tá dando certo, fazia publicidade e propaganda, descobri que não dava dinheiro (pelo menos aqui em Belém) e troquei para jornalismo (descobri novamente que não dá dinheiro ) fazer o quê?.

    Por que nunca me contaram isso na escola?!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    Agora é empurrar o trêm e ja que to área realiza – la com talento.

    Pretendo aproveitar esse espaço para expor minhas idéias, opiniões (exceto politíca, afinal nunca se sabe o dia de amanhã..uahuah),ah! e pretendo falar mal dos homens tbm (e antes que pense que eu posso ser mal amada, garanto que não, eu sou até noiva, alias acho tão bonitinho dizer isso:”Eu sou noiva”, da um ar de seriedade..uahuahu) .

    A minha paixão é a música (detalhe eu não canto), mas bem que poderia…uahuah. Adoro escutar música,acho que essa paixão acabou me levando a trabalhar em rádio, mesmo não trabalhando com música diretamente. Eu apresento jornal em rádio, em duas rádios em Belém (Tipo lembra quando falei que jornalismo não dava dinheiro? eu tava falando sério.

    Dois empregos e antes do fim do mês, eu to mais lisa do que cabelo de indía, mas dinheiro não é tudo, a oportunidade que tenho de conhecer pessoas incríveis com as quais trabalho é recompensador.

     PS: MAS SE VC PRETENDE FAZER JORNALISMO, FAÇA O POR AMOR!

                                  PQ NÃO DÁ DINHEIRO!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

SEM CONTAR QUE VC DEVE ESQUECER FOLIA DE CARNAVAL, FINS DE SEMANAS COM OS AMIGOS E ADEUS AS FARRAS DE SEXTA FEIRA.  

                  POR HJ É SÓ ESPERO QUE ALGUEM TENHA LIDO E QUE … SEI LÁ TENHA AJUDADO ALGUÉM QUE PRETENDE CURSAR JORNALISMO.

                  NO PRÓXIMO POST EU PENSO EM ALGO MAIS, MAIS TCHAN .

                                           Simplesmente Angélica Nunes